REGRAS PARA CASAR NA IGREJA CATÓLICA

Compartilhar no facebook
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Ola, noivinhos e noivinhas… Hoje vim falar dê um tema que acaba dando um baldo de água fria nos casal. REGRAS PARA CASAR NA IGREJA CATÓLICA!!!

Para quem não sabe a Igreja Católica Apostólica Romana têm algumas regras que muitas vezes vão de encontro com o desejo dos noivos. Então, antes de fazer sua lista de desejos para a cerimônia veja com a igreja que você escolheu se é possível realizá-los.

Muitos noivos ficam chateados com essas regras, mas têm que tomar muito cuidado. Já vi noivos sonharem com determinada música e chegar na hora não poder tocar, ou ainda, a noiva que mandou convites para determinado número de casais e quando foi fechar com a igreja descobriu que o numero de padrinhos era inferior ao que tinha convidado.

Regras foram feitas para serem cumpridas. Não é frescura! Essas vêm de uma ordem superior ao do padre que irá celebrar a cerimônia, então, não fiquem chateados nem com ele, ele também cumpre regras. Respeite as regras e não adapte ao seu gosto.

 

1 – Escolha da data:

A primeira providência a ser tomada pelos noivos é marcar a data e o horário do casamento para que não haja conflitos.

Essa data pode ser providenciada com até mesmo um ano de antecedência. Para o agendamento, é necessário que o futuro casal traga os documentos de identidade (RG e CPF), certidão de batismo ou o nome da paróquia onde os noivos foram batizados.

Normalmente cada igreja tem uma data para agendamento de casamentos para o ano seguinte. Procure se informar na igreja que deseja se casar.

É importante lembrar que cancelamentos deverão ser feitos pessoalmente mediante a presença de um dos noivos e normalmente não ocorre à devolução do valor pago à igreja.

 

2 – Processo Matrimonial:

Para evitar imprevistos e transtornos, o processo deve ser iniciado pelo menos seis meses antes da cerimônia de casamento na paróquia de pertença ou de domicílio de um dos noivos.

 

3 – Curso de preparação para o casamento:

Deverá ser efetuado na paróquia que irá se casar (quando houver, se não em outra), salvo exceções autorizadas pelo Pároco ou Vigário Paroquial.

 

4 – Padrinhos:

Algumas igrejas aceitam um número máximo de padrinhos e não permitem a entrada dos padrinhos em procissão juntamente com o noivo, sendo que os mesmos, aguardam o início da cerimônia já sentados nos primeiros bancos.

Os padrinhos devem chegar à igreja com antecedência mínima de 15 minutos da cerimônia e se não puderem entrar em procissão, dirigirem-se diretamente ao presbitério, onde participarão da cerimônia.

O número de entradas pela nave central da igreja também é regulada e tem um número exato que se pode abrir a porta da igreja. Cada igreja tem suas regras procure se informar quais são as da paróquia que pretende se casar, para poder organizar entradas e músicas adequadas para cada uma delas.

5 – Celebrante:

As igrejas disponibilizam um sacerdote ou diácono para a celebração.

Caso os noivos queiram convidar outro clérigo, devem entregar uma carta assinada pelo mesmo com seu nome, telefone, data da cerimônia, horário e nome dos noivos, atestando com isso o seu compromisso. Esta carta deve ser entregue até 30 dias antes da cerimônia.

 

6 – Ornamentação:

As Igrejas não oferecem ornamentação.

Quando existir a ornamentação o casal deve informar à secretaria da igreja o nome, telefone e responsável pela mesma até 30 dias antes da cerimônia.

– Não é permitido:

* Preparação da ornamentação dentro do templo

* Uso de tablados, velas e castiçais sem copo de proteção

* uso de biombos

* Trocar as toalhas do altar

* colocar toldo dentro e fora da paróquia

* soltar fogos de artifício na área interna ou adjacente da paróquia ( determinação do corpo de bombeiros)

* colar, afixar ou pregar enfeites, adornos ou outros materiais nas paredes, portas, mesas, bancos ou utensílios da igreja.

* alterar a disposição dos bancos e amarrá-los com arames.

Dica Carpe Diem: Algumas paróquias não aceitam que se jogue na saída dos noivos, pétalas de rosas ou arroz, pois podem causar riscos e danos às pessoas e à limpeza da paróquia. Uma dica pra quem não abre mão desse momento é trocar o arroz ou pétalas por bolhas de sabão.

7 – As músicas:

Na celebração tudo o que for cantado ou tocado deve ser aprovado pelo pároco.

Algumas igrejas só permitem a execução de músicas Sacras. Os noivos deverão apresentar a letra das músicas que serão tocadas na cerimônia até no máximo 30 dias antes da celebração.

As igrejas normalmente não fornecem músicos, estes devem ser contratados pelos interessados, sem a interferência da Paróquia.

Os músicos deverão levar e instalar todo o material a ser usado antes da cerimônia, de acordo com os mesmos horários estabelecidos para os decoradores e normalmente não é permitido ensaio na Paróquia. As caixas de som não podem ser colocadas no presbitério e não é permitido fixar com fitas adesivas fios no piso.

 

8 – Trajes:

Norma comum e obrigatória em todas as igrejas é o uso de trajes dignos para a ocasião. Não sendo permitido para noivas, mães e madrinhas o uso de roupas decotadas, blusa ou vestidos tomara-que-caia, costas desnudas ou vestes curtas e transparentes. Noivas ou madrinhas vestidas desta maneira, obrigatoriamente devem se cobrir com echarpe ou veste semelhante enquanto durar a cerimônia. Algumas paróquias são tão rígidas quando o assunto é vestimenta que muitas vezes não aceitam a entrada da madrinha e ou não efetuam o casamento.

Uma dica é levar o desenho de seu vestido na paróquia que irá se casar, pedindo aprovação do celebrante por escrito.

 

9 – Casamento com efeito civil:

Os noivos devem procurar o Cartório de Registro Civil mais próximo de onde residem com pelo menos 60 dias antes da cerimônia religiosa, a fim de se iniciar o processo de casamento civil.

É possível e muito realizado o chamado Casamento religioso com efeito civil. Somente com a entrega da habilitação, documento expedido pelo cartório de registro civil, será realizada a cerimônia religiosa e civil, no templo.

Após o casamento, a igreja entrega a ata ao cartório. Para isto os noivos devem pagar as despesas da entrega e reconhecimento de firma.

A documentação relativa ao casamento civil deve ser entregue na paróquia 15 dias antes da cerimônia.

 

10- Confissão:

É obrigatória a confissão do casal durante a semana que antecede o casamento.

 

11- A cerimônia:

As igrejas costumam marcar casamentos de hora em hora por isso a obediência do horário deve ser cumprida. Costuma-se pedir que coloquem no convite 15 minutos antes do horário marcado.

A cerimônia dura em média 45 minutos, mas se houver atrasos a mesma pode ser abreviada ou até transferida para outra data. Por isso, cuidado com atrasos!

Algumas igrejas não aceitam ajuda de equipe de cerimoniais no templo. As que aceitam, deixam que eles atuem até a chegada da noiva à porta do templo. Dentro do templo as orientações devem ser feitas pela equipe da igreja.

 

 

 

Uma dica é que você vá até a secretária paroquial da igreja escolhida e se informe antecipadamente sobre as regras daquela, para evitar imprevistos e contratempos. As regras podem mudar dependendo da paróquia ou do sacerdote.

O mais importante em um casamento católico é o sacramento, que é muito lindo por sinal, não escolha casar pela beleza ou por tradição, case pela beleza do matrimonio!

 

Gostou dessas dicas??? Me conte nos comentários se você também tomou um banho de água fria com as regras ou se deu tudo certinho.

Karina Oliveira

Karina Oliveira

Sempre fui apaixonada por casamentos, no começo achava que era só pelo sonho que tinha de casar, mas, depois do meu casamento descobri que meu mundo girava em torno disso. A adrenalina dos preparativos, a correria na montagem do evento para que saia tudo perfeito e a emoção de ver a noiva entrar, não tem nada mais gratificante para mim.

Deixe um comentário!

A Carpe Diem:

A Carpe Diem não é só uma empresa de assessoria, nossa missão é tornar sonhos em realidade, fazer com que momentos únicos sejam inesquecíveis, não somente para nossos clientes, mas para todos que estejam presente. O carinho, cuidado e atenção com que planejamos, organizamos e coordenamos cada detalhe, do menor ao maior, é nosso grande diferencial. Aqui, fazemos com que cada pessoa se sinta única e especial, por que trabalhamos com o propósito de unir as famílias e testemunhar o amor. 

Artigos Recentes

Conheça nossa Página!

Conheça a Carpe Diem!

Se Inscreva Para Receber Nossas Novidades!

Click edit button to change this text. Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit